Quando um milagre é preciso (Atos 3.1-7)

0
62

1 E Pedro e João subiam juntos ao templo à hora da oração, a nona. 2 E era trazido um homem que desde o ventre de sua mãe era coxo, o qual todos os dias punham à porta do templo, chamada Formosa, para pedir esmola aos que entravam.  3 O qual, vendo a Pedro e a João que iam entrando no templo, pediu que lhe dessem uma esmola. 4 E Pedro, com João, fitando os olhos nele, disse: Olha para nós. 5 E olhou para eles, esperando receber deles alguma coisa. 6 E disse Pedro: Não tenho prata nem ouro; mas o que tenho isso te dou. Em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta-te e anda. 7 E, tomando-o pela mão direita, o levantou, e logo os seus pés e artelhos se firmaram.

Introdução:

Para começar este estudo eu vou esclarecer alguns pontos e detalhes para a melhor compreensão do que estamos estudando, e assim no fim, à luz das escrituras, entendermos perfeitamente o Espírito Santo de Deus propôs através desta passagem bíblica. Meu objetivo é levar uma palavra de animo pra você que te andado desanimado, pra você que não tem obtido a resposta de suas orações, pra você que acha que Deus só usa as outras pessoas, mas venho até você nesta data para reforçar que Deus tinha um plano, um propósito, quando te chamou e  Ele te chamou para fazer a diferença, leia este estudo e aprenda com Pedro e João como ser um agente provocador de milagres.

Hora Nona – No versículo primeiro o autor, provavelmente Lucas, relata que o fato aconteceu a hora nona, isto é, as três horas da tarde, pois o dia para os hebreus começava às 6 horas da manhã e terminava às 6 horas da tarde, num total de 12 horas, sendo assim a hora sexta correspondia ao meio dia, a hora nona, às 15 horas, a hora décima, às 16 horas e assim por diante.

A Porta Formosa – Lucas também informa que o fato aconteceu em um local chamado por este nome, a porta era assim chamada pelos seus ricos adornos, ela ligava o átrio dos gentios com o átrio das mulheres, em frente do pórtico de Salomão (v. 11), que rodeava a zona do templo do lado Leste. Media 25m de altura por 21m de largura e era necessário o trabalho de vinte homens para abrí-la e para fechá-la. Era de metal, toda coberta de ouro e prata.

O coxo – O Espírito Santo levou Lucas a escrever que aquele homem era coxo desde o ventre de sua mãe e que todos os dias era levado para pedir esmolas na porta do templo. Ele deve ter visto Jesus passar por ali dezenas de vezes, mas nunca se atreveu a pedir que Jesus o curasse, como muitos pediram, na verdade ele não pediu nem aos discípulos quando eles passavam, ele não pediu a cura e sim o dinheiro e tem muitas pessoas assim até os dias de hoje, preferem ficarem na porta do que entrar para dentro do templo para terem mudança de vida.

Quero começar esta mensagem com a pergunta: Porque os sinais que aconteciam na época dos evangelhos não acontecem com tanta intensidade nos dias de hoje? Nos nossos dias é muito fácil ver um pregador chamar pra ir à frente pessoas que tem dor de cabeça, que tem dor nas costas, dor na coluna, que tem um caroço, mas quando aparece uma pessoa toda retorcida em uma cadeira de rodas, cega, surda, carcomida por um câncer ou outra enfermidade letal, acabou, aí a fé se esvai, e sabe por que isso acontece, porque deixamos de olhar pelos olhos do Espírito e olhamos com nossos olhos, esquecemos a promessa que temos a nosso respeito “Imporão as mãos e os enfermos serão curados” e somos vencidos pelo “grau de dificuldade” apresentado.

A doença, assim como a morte é um defeito genético, é uma anomalia, um problema que não deveria acontecer, não devia existir, mas elas entraram no mundo através do pecado, na carta de Paulo aos crentes da igreja de Roma, no capitulo 5 versículo 12 está escrito: “Portanto, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram.”.  Se fosse pela vontade de Deus não existiria a AIDS, não existiria o diabetes, o câncer, os miomas, as pessoas deprimidas, o paralitico, o cego, o surdo e tantos outros problemas que mostram a ausência da saúde.

Hoje Deus me trouxe através deste estudo até você, para reforçar uma promessa que Ele tem na sua vida e eu quero fazê-lo usando uma frase que André Valadão usa muito: “Você não é uma pessoa comum, você é um agente de milagres!!!”. Repita em voz audível: “Eu sou um agente de milagres.” Meu amado irmão, minha amada irmã, Deus não quer usar outra pessoa, Ele quer usar você, foi pra isso que ele te colocou pra morar onde você mora, pra estudar na escola onde você estuda, pra trabalhar onde você trabalha, pra andar por onde você anda. Você é um provocador de milagres, provoque o milagre por onde você passar e mostre o que Deus pode fazer com seu imenso poder.

Eu particularmente não tenho o dom da cura, mas tenho a palavra de Deus como embasamento quando o próprio Jesus diz em João 14.12 “Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim também fará as obras que eu faço e as fará maiores do que estas, porque eu vou para meu Pai” e também a ultima parte de Marcos 16-18 que diz “e imporão as mãos sobre os enfermos, e os curarão.”. Sou ousado em declarar o milagre, vou lá e imponho as mãos e Deus tem curado, restaurado, restituído, pois eu sou apenas um agente provocador de milagres.

Hoje eu vou profetizar sobre a sua vida e você vai sair da frente deste computador transformado, os donos de farmácia e os médicos nunca mais vão gostar de você, porque você vai impor as mãos sobre os enfermos e eles serão curados. Marcos 16.18 diz “Imporão as mão e serão curados”.  Não diz que imporão as mãos e aparecerá um anjo para curar, mas diz que você imporá as mãos e a pessoa receberá a cura.

É importante você observar que a fé é o combustível para que o milagre aconteça, a bíblia enfatiza bem isso, na epistola de Paulo aos Hebreus quando diz no capitulo 11, versículo 6: “Ora, sem fé é impossível agradar a Deus”, o evangelista Mateus também narra em seus escritos que Jesus quando visitava sua cidade fez muitos milagres e acabou sendo impossibilitado de fazer mais ainda pela falta de fé de seus conterrâneos, veja em Mateus 13.58.

Há outro texto interessante que descreve a importância de fé para o milagre acontecer, este relata Pedro pregando em Listra,de repente ele para sua pregação e olha para um homem coxo e vê que ele tinha fé para ser curado disse em voz alta: Levanta-te direito sobre teus pés. E ele saltou e andou, veja em Atos 14.8-10. Este texto vai confirmar exatamente o que Paulo escreve aos crentes da igreja de Roma, no capitulo 10.17 “De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus.”

Pra fechar nosso estudo, quando Pedro e João vão entrando no tempo e se deparam com o cocho pedido esmolas, eles param, o coxo olha pra eles esperando receber alguma moeda, mas para sorte dele os apóstolos não traziam nenhuma moeda, mas traziam o poder de Deus que poderia curá-lo ali mesmo. Pedro fita ele nos olhos e diz: “Não tenho ouro nem prata, mas o que tenho eu te dou, em nome de Jesus Cristo, levanta-te e anda!” e sabe o que aconteceu???

Ao contrario do que você pensou, o coxo não levantou!!! não!!! Ele continuou sentado, caído, talvez até pensando: “o que esse maluco pensa que é?” a bíblia diz no versículo de numero sete que Pedro o tomou pela mão e o levantou e logo suas pernas foram curadas. O  que Pedro fez??? Provocou o milagre!!! Provoque o milagre onde você passar meu irmão, minha irmã, você é um agente de milagres. Chega de ficar sentado achando que é impossível, ora, todas as coisas são possíveis ao que crê, levante do seu braço de profeta e ministre a cura e o milagre, essa é sua parte, a parte de Deus, Ele fará!

Deus precisa de pessoas ousadas para fazer Sua obra, pessoas como Pedro e João, pessoas como você, que foi chamado para fazer a diferença!

Na Paz do Mestre!

Presbítero Cido Silva

Cura do Homem Coxo

Comente

comentários